Futebol Brasileiro

Vice do Atlético diz que Brasileiro não mudará fórmula caso se inicie até julho

Lásaro Candido afirmou que a previsão otimista é de iniciar a competição no sétimo mês do ano

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Flamengo foi o último time a levantar a taça do Campeonato Brasileiro(Via Getty Images)

Flamengo foi o último time a levantar a taça do Campeonato Brasileiro | Via Getty Images

Com a paralisação do futebol em meio à pandemia do novo coronavírus, muitos debates começaram a levantar a hipótese de uma mudança de fórmula no Brasileirão para este ano: passar de pontos corridos para mata-mata. O vice-presidente do Atlético-MG, no entanto, esfriou tal possibilidade.

Em entrevista ao UOL, Lásaro Candido afirmou que não há necessidade de alterações se o Brasileirão tiver inicio até julho. E, para o dirigente, o torneio deve sim retornar normalmente até o mês sete de 2020. 

"A avaliação que a gente está fazendo em Minas Gerais é a seguinte: seguindo o modelo da pandemia pelo mundo, num cenário otimista, as competições poderiam voltar em julho. Colocar que poderia ser em maio é um mundo irreal".

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Candido vai além e deixa claro que já existiram conversas com a CBF neste sentido e que a entidade já teria aceitado o campeonato em 38 rodadas. Em contrapartida, enfatizou que outras competições do calendário brasileiro podem ser prejudicadas.

"Evidentemente que se vai comprometer outros campeonatos. Mineiro são só seis datas. Se iniciarmos em julho não vai haver problemas. O Brasileiro é a competição mais importante. Mesmo porque se não for assim, a Globo não pagará a integralidade e aí aumenta o caos".

 
Thomas Tuchel se mostra incomodado com declaração da CBF sobre Neymar
  • Campeonato Brasileiro
Comentários