Melhor Futebol do Mundo

Após oferta para voltar ao Dortmund, Klopp questionou CEO: 'Você bebeu?'

Técnico do Liverpool tinha acabado de levar o clube inglês para a final da Champions League

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Klopp olhou bem para Watzke e disse "ô, meu querido, vai dar não"(2019 Getty Images, Getty Images Europe)

Klopp olhou bem para Watzke e disse "ô, meu querido, vai dar não" | 2019 Getty Images, Getty Images Europe

Jürgen Klopp é um dos técnicos mais reverenciados no futebol atual, tanto pelo seu trabalho dentro de campo, quanto pela simpatia que demonstra fora dele. Brincalhão, o técnico alemão teve uma nova história revelada pelo CEO do Borussia Dortmund, Hans-Joachim Wetzke, que afirmou ter lhe oferecido o cargo de técnico do clube novamente.

O problema - para Watzke - é que Klopp estava em um avião, voltando de Kiev, depois de ter disputado a final da Champions League contra o Real Madrid. Em entrevista ao 'Bild', o presidente afirmou que não tinha grandes esperanças de conseguir repatriar o treinador, mas tentou ainda assim.

"Eu sabia que ele cumpriria seu contrato até o fim. Ele sempre cumpriu seus contratos. Mas eu queria um novo caminho no Borussia e tinha que ao menos pedir para que ele considerasse".

A resposta de Klopp, ainda no avião, foi de incredulidade. O técnico do Liverpool relembra que pensou, inicialmente, que Watzke estava brincando com ele.

"Meu telefone tocou quando eu estava no avião. 'Jürgen, você tem de voltar', disse Watzke. Eu respondi: 'você é maluco? Andou bebendo? De onde tirou essa ideia? Eu ainda tenho alguns anos no Liverpool".

A decisão de permanecer no Liverpool parece ter sido acertada, já que logo na temporada seguinte, Klopp conseguiu levar o Liverpool à sua sexta Champions League. Nesta temporada, segue em busca do título da Premier League, liderando a competição, oito pontos à frente do Manchester City.

Comentários