Melhor Futebol do Mundo

Barcelona ofereceu 110 milhões de euros pela volta de Neymar em 2019

Segundo informações dadas pelo ex-diretor do clube, Javier Bordas, além do valor o clube catalão ofereceu a troca Ivan Rakitic, Ousmane Dembele e Jean-Clair Todibo pelo brasileiro

Avatar del

Por Redação Esporte Interativo

Neymar atuou no Barcelona de 2013 a 2017(2015 Getty Images)

Neymar atuou no Barcelona de 2013 a 2017 | 2015 Getty Images

Em 2019, Neymar quase voltou a defender as cores do Barcelona. A informação foi dada por Javier Bordas, ex-diretor do clube Catalão, à rádio espanhola  'Cadena Cope'. 

 

Segundo informações de Javier, a vinda de Neymar em troca de 110 milhões de euros e mais três atletas - Ivan Rakitic, Ousmane Dembele e Jean-Clair Todibo - não aconteceu porque o clube da França, o Paris Saint Germain, quis cerca de 20 milhões de euros a mais na negociação. 

Oferecemos ao PSG 110 milhões de euros mais Todibo, Rakitic e o empréstimo de Dembele. O PSG queria 130 milhões de euros mais Todibo, Rakitic e Dembele por empréstimo. Neymar estava a 20 milhões de euros de voltar. O pai do Neymar disse que ia compensar a diferença, mas no final isso não aconteceu", afirmou Bordas. 

Bordas ainda revelou que o Barça tentou assinar Kylian Mbappé em no ano de 2017:  “Tentamos trazer Mbappe e Dembele juntos. Mbappe estava animado com a perspectiva de vir para o Barça quando Neymar fosse embora".

 A saída de Neymar do Camp Nou para Parque dos Príncipes aconteceu em 2017 em uma transferência de mais de 200 milhões de euros, cerca de 1.3 bilhão de reais na cotação atual. 

 

Comentários