Melhor Futebol do Mundo

Dani Alves desabafa, revela 'dura' na diretoria do São Paulo e diz que pode voltar à Europa

Em entrevista ao canal de Zico, no YouTube, camisa 10 tricolor afirmou que ser colocado na lateral seria "uma loucura" por parte do clube

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Dani Alves chegou ao São Paulo em agosto do ano passado(AFP via Getty Images)

Dani Alves chegou ao São Paulo em agosto do ano passado | AFP via Getty Images

Daniel Alves chegou ao São Paulo em agosto do ano passado e, de lá para cá, foi caindo aos poucos nas graças do torcedor tricolor. Lateral direito durante toda a carreira, o camisa 10 tornou-se de vez um meia armador e, em sua opinião, assim teria que ser.

Em entrevista ao canal de Zico, no YouTube, o jogador relembrou, inclusive, uma dura que deu na diretoria são-paulina, que, segundo ele, queria que ele atuasse no lado direito da defesa. Ele classificou a ideia como uma "loucura" por parte dos cartolas.

"Eu falei para o clube: 'Cara, se vocês me colocarem de lateral direito em um time que não está acostumado a jogar coletivamente, vocês estão cometendo uma loucura com vocês mesmos. Como que você faz um investimento em um jogador que pode ajudar a sua equipe a ser muito melhor, muito mais equilibrada, gerar muito mais jogo, muito mais ocasiões de gol, e o coloca pegado a uma partezinha do campo?", indagou Dani Alves.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

"Você começa a duvidar do que você tinha na mente? Você duvidou, meu irmão, você já vai fazer besteira. Se você duvidou de como vai fazer para conquistar seus objetivos, apaga e vamos todo mundo para casa", continuou o multicampeão por Barcelona, PSG e seleção brasileira.

Daniel Alves ainda aproveitou para exaltar a experiência conquistada durante sua passagem pela Europa, que se iniciou em 2002/03, na Espanha, pelo Sevilla. Ele relembrou que, em comparação com seus companheiros de clube, sua vivência no esporte é muito maior do que a média.

 

"Sinceramente, não é demagogia e nem tentar colocar ninguém abaixo de mim, mas a nível de entendimento de futebol e psicológico eu estou um pouco à frente dos meus companheiros pela experiência, por conhecer diferentes campeonatos. Aqui no Brasil, o campeonato é um dos mais difíceis em nível técnico, mas a nível tático e de jogo coletivo não é, fica para trás de todos os lugares que passei", comentou.

"Eu não acredito que no período que eu cheguei eu estivesse desentonando. Acredito que outras circunstâncias estavam desentonando, e não era eu. Só que eu tinha sido o cara contratado, estavam quase exigindo que eu pegasse a bola, batesse o tiro de meta para mim mesmo, driblasse todo mundo, chegasse debaixo do goleiro dos caras e fizesse o gol. Cara, desculpa, mas isso é equivocado, eu sou um jogador de otimizar quem eu tenho do lado, de servir, construir, armar", desabafou.

Retorno à Europa

Além de sua passagem até aqui pelo Tricolor, Dani Alves comentou sobre o sonho de, um dia, retornar à Europa, para atuar profissionalmente. Ele, entretanto, faz questão de deixar claro que voltou para o Brasil para realizar o sonho de jogar pelo time do coração.

"Eu gosto de fazer história, então eu falei: 'pô, já fiz um monte de coisa na Europa, vou realizar meu sonho e quem sabe voltar para a Europa'. Tudo é possibilidade na vida do Good Crazy, cara (risos). Esses dias agora eu falei que gostava do Boca e já estão me colocando no Boca, mas nada a ver, eu vim realizar meu sonho no São Paulo", disse.

 
EXCLUSIVO! Daniel Alves diz que São Paulo tem mesmos conceitos do futebol europeu e brigaria nas principais ligas
Comentários