Melhor Futebol do Mundo

Mais velho a marcar pela seleção espanhola, Aduriz anuncia aposentadoria

Atacante do Athletic Bilbao, que já tem 39 anos, terá de passar por cirurgia no quadril e preferiu se aposentar, antes mesmo do fim da temporada

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Aduriz vai pendurar as chuteiras(Getty Images)

Aduriz vai pendurar as chuteiras | Getty Images

Aritz Aduriz demorou a explodir no futebol. Até por isso, seu nome não é tão conhecido. No entanto, o centroavante foi uma grande referência do futebol espanhol e do Athletic Bilbao nos últimos anos. E, nesta quarta (20), aos 39 anos, o atacante anunciou que está se aposentando.

Em comunicado publicado nas suas redes sociais, Aduriz revela que terá de passar por uma cirurgia para colocar uma prótese no quadril e, por conta disso, não poderia terminar a temporada. Ele afirma que seu corpo deu um "basta" em sua carreira.

Isso significa que o centroavante não poderá atuar na histórica final da Copa do Rei entre Athletic Bilbao e Real Sociedad, dois times provenientes do País Basco, que busca sua independência. Aduriz citou isso na sua despedida:

Não quero que vocês se preocupem comigo. Vamos esquecer as finais com as quais sonhamos, porque vamos ter de dar adeus."

Dono de 13 atuações com a camisa da seleção espanhola, Aduriz já está marcado na história de "La Furia". Afinal, se tornou o jogador mais velho da história a fazer um gol pela equipe. Foi em 2016, quando tinha 36 anos e 275 dias.

Aduriz se despediu do futebol nesta quarta (20) (Foto: Reprodução)

Confira a despedida de Aduriz na íntegra:

"O momento chegou. Várias vezes, eu disse que o futebol te deixa antes de você deixá-lo. Ontem, os médicos mandaram eu me encontrar com o cirurgião o mais rápido possível para colocar uma prótese que substitua meu quadril, para que eu tente viver minha vida no dia a dia o mais normal possível. Infelizmente, meu corpo disse "basta". Não posso ajudar meus companheiros de time como eu gostaria, nem como eles merecem. Essa é a vida de um atleta profissional. Simples, muito simples.

Infelizmente, estamos vivendo situações muito piores e mais dolorosas; a pandemia da qual estamos sofrendo nos deixou danos irreparáveis e temos que continuar lutando contra ela, juntos.

Dessa forma, não quero que vocês se preocupem comigo. Isso é só uma anedota. Vamos esquecer as finais com as quais sonhamos, porque vamos ter de dar adeus. E sim, o momento de dar adeus chegou e é assim que a estrada acaba para mim. Inesquecível e maravilhosa, do início ao fim.

Obrigado, do fundo do meu coração.

20 de maio de 2020, Aritz Aduriz."

Comentários