Melhor Futebol do Mundo

PSG pode perder quatro jogadores de graça no meio do ano; juntos, eles valem mais de R$ 340 milhões

Time da capital parisiense tem problemas para resolver durante a crise do novo coronavírus: estender vínculos que estão por terminar na metade do ano

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Edinson Cavani é um dos que devem deixar o PSG de graça ao final do contrato(Getty Images)

Edinson Cavani é um dos que devem deixar o PSG de graça ao final do contrato | Getty Images

Mesmo com as paralisações dos torneios por conta da pandemia do novo coronavírus, o Paris Saint-Germain está se aproximando de um período perigoso da temporada: o que marca o fim do vínculo de quatro jogadores importantes.

O zagueiro Thiago Silva, os laterais Thomas Meunier e Layvin Kurzawa, além do atacante Edinson Cavani ainda não chegaram num acordo com a diretoria da equipe da capital parisiense com relação às suas respectivas extensões de vínculo para próximas temporadas.

Alguns desses jogadores, por exemplo, já chegaram a ser especulados em diversas equipes do futebol mundial: o brasileiro, no Fluminense; o uruguaio, em Boca Juniors, Nacional-URU, Peñarol, Flamengo, Palmeiras, Atlético de Madrid, entre outros; e Kurzawa, na Juventus.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Caso o PSG realmente perca o quarteto de graça, o clube estaria deixando de ter em seu elenco atletas que, juntos, valem pouco mais de 60 milhões de euros (R$ 340 milhões, pelas cotações atuais), de acordo com o que indica o site especializado 'Transfermarkt'.

Dos quatro, o que mais possui valor de mercado é Meunier, que custa 24 milhões de euros. Cavani vem logo atrás, com custo de 20 milhões de euros. Depois, Kurzawa, por 12 milhões de euros e, por fim, Thiago Silva, por "apenas" 4,8 milhões de euros.

 
Time dos sonhos de Leandro Castan tem ataque formado por Totti, Salah e Ronaldo
Comentários