Melhor Futebol do Mundo

Prefeito de Bérgamo: 'Atalanta e Valencia foi uma bomba biológica'

Giorgio Gori comentou sobre a importância que a partida da Liga dos Campeões teve para que o novo coronavírus se espalhasse pela cidade, uma das mais afetadas pela doença 

Avatar del

Por Redação Esporte Interativo

Partida entre Atalanta e Valencia pode ter ajudado a espalhar o coronavírus(Getty Images)

Partida entre Atalanta e Valencia pode ter ajudado a espalhar o coronavírus | Getty Images

O prefeito de Bérgamo, Giorgio Gori, acredita que o confronto entre Atalanta e Valencia, ocorrido no dia 19/02, pela Liga dos Campeões, foi um dos principais causadores da disseminação do novo coronavírus na Itália.

As equipes se enfrentaram em Milão, no San Siro, onde a Dea recebe seus jogos da Champions. Cerca de 44 mil torcedores se deslocaram de Bérgamo para o estádio, fazendo com que o vírus se espalhasse com mais velocidade. 

"Naquela época, não sabíamos o que estava acontecendo. O primeiro paciente na Itália surgiu em 23 de fevereiro. Se o vírus já estivesse circulando, os mais de quarenta mil fãs que foram ao San Siro se infectaram. Ninguém sabia que o vírus circulava entre nós.", disse o prefeito em uma entrevista ao 'TuttoSport' no Facebook.

E o problema não ficou apenas com quem foi ao estádio naquela noite. Gori acrescentou que muitas pessoas assistiram à partida em aglomerações do lado de fora também, e houve muito contato entre os fãs. "O vírus passou de uma pessoa para outra", completou o prefeito.

No dia 15 de março, o Valencia anunciou que cinco casos de coronavírus foram detectados entre jogadores e comissão técnica, incluindo os atletas Ezequiel Garay, Jose Gayà e Eliaquim Mangala. O primeiro paciente diagnosticado com a COVID-19 em Valencia foi justamente um jornalista espanhol que estava em Bérgamo acompanhando a partida entre Atalanta e a equipe espanhola. 

Apesar de reconhecer o impacto que o jogo da Liga dos Campeões teve na disseminação da doença, Giorgio Gori afirmou que as autoridades de saúde de Bérgamo consideram o hospital Alzano Lombardo como o grande estopim do coronavírus na região. Um paciente chegou com pneumonia, mas o médicos não reconheceram os sintomas. Ele infectou outros pacientes e os profissionais que estavam no hospital. 

Na última terça-feira, o goleiro da Atalanta, Marco Sportiello, foi diagnosticado com o novo coronavírus.

 
Com quatro gols de Ilicic, Atalanta vence o Valencia em jogos com portões fechados
Comentários