Melhor Futebol do Mundo

Rodrygo afirma que prefere Neymar a Messi e lamenta não jogar com Cristiano Ronaldo

Rodrygo também rejeitou possibilidade de estar ocupando espaço deixado por Cristiano Ronaldo no Real Madrid

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Rodrygo preferiu evitar comparações com Cristiano Ronaldo(Getty Images)

Rodrygo preferiu evitar comparações com Cristiano Ronaldo | Getty Images

Apesar da ascensão meteórica no Real Madrid, o garoto Rodrygo deixa claro que mantém os pés no chão e chega a demonstrar surpresa quando comenta sobre o fato de estar sendo comparado a grandes jogadores, como Cristiano Ronaldo.

Já com a Seleção Brasileira, o atacante concedeu entrevista coletiva e afirmou que seu desempenho no Real Madrid é uma surpresa para si mesmo, mas preferiu deixar de lado qualquer comparação com outros atletas.

Já sabe onde assistir aos jogos da Champions League? Assista a TODOS os jogos no EI Plus!

"Eu não esperava estar sendo comparado com grandes jogadores. Estou no começo da minha trajetória no Real Madrid. Espero ser um grande jogador lá, mas não levo isso como pressão. Tinha o sonho de jogar com ele [Cristiano Ronaldo], mas sou muito jovem para dizer que estou preenchendo o espaço que ele deixou. Foi um dos maiores da história do Real Madrid. Não quero essa pressão para mim não".

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A primeira oportunidade na #SeleçãoBrasileira principal ninguém esquece! VOA, moleque! ������ Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Uma publicação compartilhada por Esporte Interativo (@esporteinterativo) em

Além disso, foi questionado sobre a preferência entre Messi e Neymar, agora seu companheiro de Seleção. Revelado pelo Santos, assim como o craque do PSG, Rodrygo não pestanejou na hora de responder.

Eu fico aqui do lado do Brasil, com o Neymar."

Com apenas 18 anos, Rodrygo tem seis jogos pela equipe principal do Real Madrid, tendo marcado cinco gols - incluindo três contra o Galatasaray, pela Champions League. Na Seleção Brasileira, terá a chance de estrear com a camisa da equipe principal contra a Argentina, no sexta (15), ou contra a Coreia do Sul, na terça (19).

 
Comentários