Melhor Futebol do Mundo

Uefa vai cobrar R$ 1,7 bilhão para adiar Eurocopa por um ano, diz jornal

De acordo com o jornal britânico 'The Athletic', entidade máxima do futebol europeu tentará chegar a uma conclusão sobre realização do torneio de seleções

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Eurocopa está prevista para começar em junho deste ano, mas pode mudar de data(Getty Images)

Eurocopa está prevista para começar em junho deste ano, mas pode mudar de data | Getty Images

O surto do novo coronavírus, que vem assolando o mundo de uma maneira geral, pode fazer a Eurocopa sair mais cara do que o planejado.

Segundo noticia nesta segunda-feira (16) o jornal britânico 'The Athletic', a Uefa planeja cobrar de seus clubes e ligas afiliadas mais de 302 milhões de euros (cerca de R$ 1,7 bilhão, pelas cotações atuais) para adiar a competição em um ano.

Ainda segundo a publicação, é esse o valor estimado pela entidade máxima do futebol europeu para fazer a Euro acontecer em junho de 2021. A decisão deverá sair já nesta terça-feira (17), quando haverá uma reunião de emergência para decretar o adiamento - que segundo o 'The Athletic' deverá mesmo acontecer.

Já sabe onde assistir aos jogos da Champions League? Assista a TODOS os jogos no EI Plus!

Além da Eurocopa, a reunião servirá também para discutir o que será feito em relação aos dois principais torneios de clubes do continete, Uefa Champions League e Europa League.

Apesar da crise mundial por conta da pandemia, clubes e ligas têm em mente terminar a atual temporada normalmente, entre maio e junho deste ano.

Casos extremos, como decretar o fim dos torneios com os atuais líderes ou até mesmo sem campeões também estão em pauta, mas isso implicaria em sérios problemas legais. Da mesma forma seria estender a temporada até julho, mas os clubes teriam de corrigir imbróglios contratuais - a maioria dos vínculos vão até junho.

  • futebol internacional
Comentários