Outros Esportes

Jon Jones é preso por dirigir bêbado e usar arma de fogo

Jon Jones foi detido nos Estados Unidos enquanto dirigia carro sem seguro; Lutador foi liberado após pagar fiança
 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

1/2
Jon Jones foi preso, mas já pagou fiança(Getty Images)

Jon Jones foi preso, mas já pagou fiança | Getty Images

Jon Jones é preso por dirigir bêbado e usar arma de fogo

Jon Jones é preso por dirigir bêbado e usar arma de fogo

O polêmico Jon Jones ataca novamente. Desta vez, o atual campeão dos pesos-meio-pesados do UFC foi preso em Albuquerque, no Novo México, por dirigir bêbado, por ter uso negligente de arma de fogo e por dirigir um carro sem seguro. Ele ainda carregava uma garrafa de bebida exposta (o que é crime por lei no estado que ele estava). O lutador pagou fiança e já está solto. A informação foi publicada pela 'TV KOAT'.

De acordo com os policiais que prenderam Jon Jones, foram ouvidos tiros em um bairro da cidade. Quando a viatura chegou ao local, os oficiais viram Jon Jones dentro de um carro com o motor ligado. Ele declarou não ter efetuado os disparos, mas como o atleta estava alcoolizado, foi encaminhado à delegacia.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis! http://bit.ly/2IdUuXj

Após a prisão, policiais acharam uma arma embaixo do banco do motorista do carro em que Jon Jones foi encontrado. Além de uma garrafa de bebida pela metade no banco do passageiro.

Como parte das investigações, o nossa Unidade de Redução de Violência por Arma de Fogo fará a perícia na arma e nas cápsulas deflagradas para determinar se essa arma foi utilizada em algum crime. A redução da violência em Albuquerque é a nossa maior prioridade - comentou Gilbert Gallegos, diretor de comunicação da Polícia de Albuquerque ao site 'MMA Fighting'.

No último ano essa é a segunda prisão de Jon Jones. Em 2019 ele foi detido por abusar de uma dançarina em uma casa noturna localizada também em Albuquerque, no Novo México. 

  • Jon Jones
Comentários