O homem sabe. Lionel Messi concedeu uma entrevista exclusiva à Tyc Sports antes da Copa do Mundo, e rasgou elogios à seleção brasileira. Questionado sobre a força do Brasil, o astro do Barcelona e da Argentina destrinchou algumas características da Seleção e lembrou nomes como Neymar e Coutinho, antigo e atual companheiros, como principais peças da equipe de Tite. 


"Chega muito bem coletivamente. Tem bons jogadores individualmente e como grupo funcionam bem. Se fecham bem atrás e têm jogadores fortes, que vão para o combate e te liquidam com jogadores rapidíssimos, como Ney e Coutinho. Sabem muito bem o que fazem e têm mecanizados os movimentos de grupo. Tiveram a má sorte de ter Neymar parado, mas não sei se é bom ou mau, porque chega descansado", detalhou La Pulga. 


Além do Brasil, Messi fez questão de destacar as forças das seleções espanhola, alemã e francesa. Para ele, a Fúria tem a melhor filosofia, a Alemanha simplesmente por ser a Alemanha, e a França pelo nível individual de cada atleta. 


"Espanha, pelos jogadores que tem e pela maneira de jogar, mais vistosa que a do Brasil. Alemanha, porque sempre está aí. E França, porque tem muitos jogadores bons, apesar da desvantagem de terem muitos jovens".


A Argentina está no Grupo D da Copa do Mundo e tem Nigéria, Croácia e Islândia ao lado. Messi e companhia estreiam na Copa da Rússia no dia 16 de junho, às 10h (de Brasília), em Spartak.