Um dos jogadores mais valorizados do atual elenco do Santos, o atacante Bruno Henrique ainda não teve sua permanência garantida pelo presidente José Carlos Peres. E foi justamente a posição do mandatário, que cogitou até mesmo fazer um leilão entre clubes interessados que incomodou o jogador, de acordo com declaração publicada no portal ESPN.


“Nenhum jogador gosta de ser leiloado. Acho que ele (Peres) foi infeliz nessa posição, em falar em leilão. Hoje, não sei o que o presidente pensa para mim no ano que vem. Só sei o que eu penso, vou ficar”.


Alvo de sondagens de clubes como Flamengo e Cruzeiro, Bruno Henrique acabou sofrendo com problemas físicos nesta temporada, como uma lesão no olho logo na primeira partida de 2018, e, com desempenho abaixo do esperando, perdeu algum prestígio junto aos torcedores.